Tempo Bem Gasto (3ªparte)

6.3.14

Esta é a continuação do post de ontem no qual partilho mais um excerto da tradução resumida do livro Tempo Bem Gasto do Mike Burns, ainda dentro do 1º capítulo do livro relacionado com os conceitos base para a componente prática.



Prioridades e "dropping ball"


Quando dizemos que "deixámos cair a bola" significa que não conseguimos... mas deixar algo por fazer é normal. Perder tempo tentando lutar contra nós mesmos não ajuda, é simplesmente inevitável pois não conseguimos fazer TUDO.
Aliás, ter tudo feito é um objectivo irreal, algumas coisas terão que ficar de lado... E nós podemos controlar o que deixar de lado... fazê-lo intencionalmente é o segredo!

No exemplo do malabarismo com as bolas, todas têm de ser mantidas no ar. Porém alguma poderá cair. Muitas metáforas se fazem a partir deste exemplo:
- algumas bolas são de vidro outras não (logo as de vidro não podem cair de modo algum)
- algumas bolas ao caírem saltam de novo para donde vieram
- deixar cair uma bola importante pode fazer-nos arrepender

É importante apercebermo-nos que partes da nossa vida são as bolas de vidro, para que no momento certo saibamos fazer a melhor escolha.

Se alguém lhe perguntasse para resumir em uma palavra qual a coisa mais importante relativamente de tempo e gestão de vida o que diria? O autor responderia "priorizar", pois segundo ele "é gerir e lidar com as coisas na ordem da sua importância". Não basta a quantidade de actividades mas a sua qualidade também: nem todas são igualmente importantes.


You Might Also Like

1 comments

  1. Viver bem é isso mesmo, priorizar! Parabéns pelo post, vale a pena reflectir acerca disto.

    ResponderEliminar