Aprender a calar... Parte 2

13.11.14

Controlar o que se diz do geral da vida surgiu, para mim, ao mesmo tempo que o controlar espontaneamente pequenas situações.

Por exemplo, "responder" no contexto de uma discussão pode mais rápido significar perder tempo do que ganhar a razão. Aliás, há determinadas coisas que só se enxergam com atitudes ou conversas, não com discussões. 

Então, quando entramos no campo de discutir com colegas pode gerar mau clima pois alguém que não tem assim tanto impacto em sua vida não vai querer mudar a sua opinião com base num desconhecido! Ou ainda, discutir com reais desconhecidos, em situações diárias como num serviço de atendimento da internet, de uma loja ou mesmo no transito... Essas pessoas não querem saber nem de si nem do que você pensa! É bom lutarmos pelos nossos interesses, mas se vai partir para um meio que não traz nada nem sequer paz, como é a discussão, esqueça!

Pior mesmo é deixar-nos levar pelas emoções e abrir espaço para um diálogo pouco amigável com aqueles que mais amamos. Fique calado. Se não ficar corre um sério risco de dizer algo que não quer, não sente, e não pensa. A frustração e o calor do momento tomam conta do coração, e se você tinha a razão antes, agora pode deixar de a ter.
Ficar calado naquele momento pode ser um fracasso para algumas mentes, mas para outras é um truque de génio. O silêncio diz tudo o que queremos assim como pode fazer a outra pessoa dizer tudo o que não quer... Quer melhor razão que essa?

À semelhança do post anterior sobre este assunto, sublinho o meu triunfo em ter ganho tanta mais paz na minha vida com esta atitude. E tempo também, pois eu costumo matutar nas coisas e não é nada agradável ir dormir a pensar naquela discussão com um familiar ou com a mulher da operadora do telefone.


You Might Also Like

1 comments

  1. FT.
    Olá amigo olha que lendo este seu texto é bem a minha cara, pois tem horas que falo demais..
    Ontem mesmo fiz um comentário sobre um jovem comediante que é péssimo e por sinal este ficou uma fera, consequentemente me bloqueou, não soube levar na esportiva a critica qual fiz.
    E olha que fiz de uma forma construtiva, pois é muito ruim de piada, totalmente sem graça, fazer o quê!
    Às vezes a gente deve calar a boca se quiser agradar, só que eu não sei mentir e tão pouco fingir que estou gostando.
    Agora por exemplo adorei este seu texto é muito bom e li, por isso estou recomendando, que assim como eu há outras que precisam manter a boca fechada ou não,fica a critério.
    Desejando um ótimo fim de semana.
    Abraços sempre.
    ClaraSol

    ResponderEliminar